Eduardo Paes é eleito prefeito do Rio de Janeiro

Eduardo Paes (DEM) foi eleito neste domingo (29) prefeito do Rio de Janeiro. Será o terceiro mandato do bacharel em direito de 51 anos, que já governou a cidade entre 2009 e 2017.

Continua após a publicidade.

“A primeira mensagem que eu queria passar é de agradecimento, aos cariocas que foram às urnas e acreditaram nas nossas propostas”, disse o eleito, ao lado do presidente da Câmara, Rodrigo Maia — cujo pai, o vereador Cesar Maia, até então detinha o recorde de três mandatos na prefeitura, agora igualado.

Queria também celebrar aqui uma vitória da política. Nós passamos os últimos anos radicalizando a política brasileira. O resultado desse radicalismo certamente não fez bem a nenhum de nós cariocas, não fez bem a nenhum de nós brasileiros”, emendou.

Para Paes, “o primeiro desafio está na saúde, na pandemia”. Ele disse que anunciaria nesta segunda-feira (30) as primeiras medidas no cargo.

Paes — Foto: Reprodução
Foto Reprodução

Resultados

Com 97,86% das urnas apuradas, às 19h15, Paes somava 1.599.092 votos, ou 64,14% dos válidos, derrotando o atual prefeito, Marcelo Crivella (Republicanos), que tinha 894.189 votos (35,86%). Crivella tinha o apoio do presidente Jair Bolsolnaro (sem partido).

Brancos (5,02%) e nulos (13,73%) somavam 575.326 votos. Houve ainda 1.685.459 abstenções (35,45%). Somados brancos, nulos e abstenções, chegava-se a 2.260.785 “não votos”, mais do que o obtido por Paes e por Crivella separadamente e quase a metade do eleitorado.

Paes venceu em todas as 49 zonas eleitorais do Rio.

O vice-prefeito eleito é Nilton Caldeira, um dos fundadores do Partido Liberal (PL).

Fonte: G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *