Ex-secretário de Saúde Edmar Santos acerta delação e promete provas contra Witzel

O ex-secretário de Saúde do Rio de Janeiro Edmar Santos acertou uma delação que envolve o governador Wilson Witzel em casos de corrupção na Saúde.

O acordo foi feito com a Procuradoria-Geral da República (PGR) mas ainda não foi homologado.

Santos prometeu entregar um conjunto de provas que revelariam a participação do governador Wilson Witzel no esquema que mandou para a cadeia a cúpula da Saúde no estado, incluindo o ex-secretário.

Pelas redes sociais, o governador disse que o compromisso dele com a população do Rio de Janeiro é de governar com ética e transparência e que jamais se desviou do caminho da lei e que ninguém pode ser acusado sem provas.

Edmar Santos foi preso na sexta-feira (10). Fontes do Ministério Público do RJ afirmaram que operação foi antecipada porque o MP foi informado que Santos iria esconder R$ 8,5 milhões em espécie – o dinheiro foi apreendido, mas o MP só falou sobre o caso depois que as imagens vazaram nas redes sociais, sem revelar a quem o dinheiro realmente pertencia.

De acordo com Ministério Público, o aviso da existência do dinheiro foi dado por uma outra pessoa ligada ao esquema revelaram que essa mesma pessoa estaria negociando um acordo de delação com o órgão.

Com informações: G1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *