Mais de 4 mil protetores faciais já foram produzidos pelo IFF

Até essa quinta-feira, 14 de maio, o IFF produziu 4.226 protetores ou escudos faciais, também conhecidos como face shields, já inclusos nesse número os 1.300 cujas hastes foram doadas pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) com o Instituto Politécnico da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (Uerj), em Friburgo.

 Doações: 2.999 protetores faciais já foram doados para utilização por profissionais de saúde que estão na linha de frente no combate ao novo coronavírus. Foram beneficiadas 28 instituições, em Campos dos Goytacazes e no interior do estado do Rio de Janeiro, em cidades das regiões Norte, Noroeste, dos Lagos e Serrana, e também do estado do Espírito Santo. Confira o PDF com a lista completa de doações.

 Além disso, o Instituto Federal Fluminense recebeu outras 700 hastes doadas pela Uerj e Senai Friburgo, e distribuiu para seus campi montarem; e mais 3.000 hastes, também doadas pela Uerj e Senai Friburgo ao IFF, que enviou 1.000 para o Instituto Federal do Espírito Santo (Ifes), 1.000 para IFSulMG e 1.000 para IFSudesteMG.

 Os equipamentos de proteção individual (EPIs) são fabricados no parque de impressão 3D, localizado no IFF Campus Campos Centro, onde estão instaladas 11 impressoras. A ação integrada inclui também o Polo de Inovação e os Campi Guarus, Itaperuna, Bom Jesus do Itabapoana e Santo Antônio de Pádua, que cederam impressoras 3D e insumos; Campus Quissamã, que forneceu filamento para impressão; e o apoio da Reitoria. Entre as impressoras estão também as emprestadas pelos ex-alunos do IFF: o professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Daniel Agero; a proprietária da escola de robótica Control Play, Fernanda Paes; e o proprietário da Eneltec, spin-off do Polo de Inovação, Marcos José Rangel.

A equipe do parque de impressão 3D instalado no Campus Campos Centro do Instituto Federal Fluminense está produzindo também laringoscópio com câmera para auxiliar os profissionais da saúde na intubação de pacientes com problemas respiratórios, facilitando o procedimento e diminuindo as chances de erro. Assim como os protetores faciais, os laringoscópios são doados, porém, impressos sob demanda.

 Foram produzidos três para testes e um para o Centro de Controle e Combate ao Coronavírus, em Campos dos Goytacazes-RJ, de onde surgiu a demanda, apresentada ao Polo de Inovação do IFF.

 De acordo com a equipe responsável pela fabricação, o custo final de produção é de menos de R$50,00 com o uso de filamento PLA para impressão e de uma câmera que é adquirida por menos de R$40,00, enquanto o laringoscópio tradicional, produzido com material metálico, custa pelo menos R$1.000,00.

 Álcool a 70%

 O IFF Campus Campos Centro, por meio de ação realizada por professores do Curso Técnico em Química, já fracionou 9.500 litros de álcool etílico a 70%, doados pela Cooperativa Agroindustrial do Estado do Rio de Janeiro (Coagro). O álcool envasado é doado ao Hospital Geral de Guarus (HGG), que distribui para as instituições de referência no combate ao coronavírus em Campos dos Goytacazes.

 O Instituto também está se preparando e adquirindo matéria-prima para produzir álcool em gel a 70% nos Campi Bom Jesus do Itabapoana e Cabo Frio para distribuição gratuita aos hospitais.

 Sabonete líquido

 O item, outro importante aliado na prevenção da Covid-19, é produzido pelo IFF Campus Campos Centro, que recebeu do Sindicato dos Petroleiros do Norte Fluminense (Sindipetro NF) material para fabricar 1.500 litros de sabonete líquido, dos quais já foram produzidos 250 litros do produto, envasado em frascos de 500ml. O Campus Itaperuna tem previsão de fabricar três mil frascos de 500ml para distribuição em comunidades carentes. O Campus Bom Jesus do Itabapoana também está se preparando para a produção.

 Distribuição de alimentos

 Devido ao fato de as aulas estarem suspensas durante a pandemia e, assim, não ser possível o acesso dos estudantes à merenda escolar, os Campi Bom Jesus do Itabapoana, Itaperuna, Cabo Frio, Guarus, Quissamã e Macaé estão realizando a entrega de kits de alimentos para apoio aos alunos e suas famílias no período de isolamento social.

Também com objetivo de amparar os estudantes e familiares neste período de isolamento social, suspensão das aulas e, consequentemente, interrupção do funcionamento dos restaurantes do Instituto, o IFF Campi Campos Centro, Itaperuna, Bom Jesus do Itabapoana, Cabo Frio e Pádua estão concedendo o Auxílio Emergencial de até R$ 400, de acordo com recursos de cada campus, pagos com fundos do próprio IFF, da Assistência Estudantil. O Campus Avançado São João da Barra está em processo para concessão do auxílio.

 Arrecadação e doação de itens de higiene e limpeza

 O Campus Campos Centro e a Reitoria arrecadaram cerca de 30 kits com produtos de limpeza e de higiene pessoal por meio da Campanha IFF Solidário no Combate à Covid-19, para distribuição a famílias cadastradas no Centro de Referência da Assistência Social (Cras) de Campos dos Goytacazes. O IFF Campus Bom Jesus do Itabapoana também arrecadou e doou itens de higiene e limpeza.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *