RJ libera público de mais de 7 mil pessoas para a final da Libertadores

A final brasileira da Taça Libertadores da América, entre Palmeiras e Santos, poderá contar com até 10% da capacidade de público do Maracanã, no dia 30 deste mês. Isto, por conta de um decreto do governador interino do Rio de Janeiro, Cláudio Castro (PSC), publicado nesta sexta-feira (22), no Diário Oficial. 

No documento, o governador afirma que a liberação não é para público pagante, mas de “pessoas devidamente credenciadas pela entidade organizadora, inclusive integrantes da coordenação, realização, segurança e patrocínio do evento e das entidades esportivas participantes até o limite máximo de 10% da capacidade do estádio”. 

Essa será a segunda vez que a competição terá final em jogo único em sede pré-definida. A primeira foi em 2019, quando o Flamengo venceu o argentino River Plate, em Lima, no Peru. A capacidade atual do Maracanã é de 72.285 torcedores. 

Pelas normas estipuladas por Castro, o estádio estadual, concedido a Flamengo e Fluminense, poderá receber até 7.228 pessoas na decisão. 

De acordo com o site da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj), o estádio está em dia com os quatro laudos obrigatórios: Vigilância Sanitária, Polícia Militar, Proteção Contra Incêndios, e Vistoria e Engenharia.

Fonte: CNN BRASIL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *