MORRE ASA BRANCA, UMA DAS MAIORES VOZES DO RODEIO BRASILEIRO

O locutor de rodeios Asa Branca, apelido de Waldemar Ruy dos Santos, morreu nesta terça-feira, 4, aos 57 anos de idade, “É com muito pesar que informo a todos o falecimento do nosso querido Waldemar Ruy Asa Branca dos Santos. Em breve, mais informações”, informa a nota publicada no perfil oficial do Instagram de Asa Branca, administrado por amigos e familiares.

O locutor recebeu homenagens de cantores sertanejos como Chitãozinho e Xororó e Daniel 

Asa Branca foi internado em 14 de dezembro de 2019 para tratamento de um câncer na boca, sendo liberado uma semana depois, dia 21. Após uma piora na saúde, ele voltou ao hospital em 27 de dezembro. Sua internação mais recente havia tido início em 25 de janeiro deste ano.

No último domingo, 2, sua esposa afirmou que o locutor estava em “estado bem crítico” e pediu orações.

Ainda de acordo com a mulher, Asa Branca tem um quadro irreversível de saúde. Ele, que aos 57 anos luta contra um câncer de mandíbula, está sentindo muita dor, falta de ar e tem nível de saturação baixo, portanto será sedado. “A sedação é por conta da dor, que a gente não consegue mais controlar com medicamentos. Ele está com falta de ar por 24 horas.

Está com 15 litros de oxigênio e mesmo assim a saturação dele está baixa”, explicou Sandra à Quem, que também contou: “Os médicos não deram mais esperança. Não tem mais o que fazer. Segundo a médica que falou comigo agora, é irreversível o quadro dele.

Não tem mais como sair com vida do hospital. Perto do Natal já deram um mês de vida para ele, né, e já passamos”.

Durante a conversa, a esposa também desabafou sobre como está se sentindo diante do estado do locutor de rodeios. “Eu nunca vi tanto sofrimento. Hoje, principalmente, estou com meu coração dilacerado de tanto ver a angústia dele, de dor, de falta de ar. Estou arrebentada”, disse ela, bastante abalada com a situação.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *