Polícia flagra área de 100 mil m² de queimadas em Monte Alegre em Pádua

Foto reprodução: Linha Verde

Uma denúncia feita ao programa Linha Verde, do Disque Denúncia (0300 253 1177) sobre um homem que vinha realizando queimadas na localidade de Monte Alegre, levou policiais militares ambientais a constatarem o crime denunciado, flagrando nesta quinta-feira (29) o fato denunciado em uma área degradada de 100 mil metros quadrados no município de Santo Antônio de Pádua, no Noroeste Fluminense.

De acordo com o programa Linha Verde, em cumprimento a ordem de policiamento a fim de verificar a denúncia, policiais lotados na Unidade de Policiamento Ambiental do Parque Estadual do Desengano procederam à Fazenda Boa Vista onde observaram que havia uma queimada na mata do local denunciado, sendo de vegetação com características de nativa, em estágio inicial, médio e avançado de regeneração natural, no interior de uma área de preservação permanente por estar no entorno de nascentes. A equipe da 3ª UPAm então procurou a responsável pela fazenda, mas quando foi questionada a respeito das licenças necessárias para a realização daquela atividade, ela informou não as possuir. Diante dos fatos e com base no artigo 41 da lei de crimes ambientais em conjunto com o artigo 4º do Código Florestal, os agentes procederam juntamente com a acusada à 136ª DP, onde a ocorrência foi registrada. Vale frisar que somente no ano de 2021, o programa Linha Verde já recebeu 168 denúncias sobre queimadas em todo o Estado do Rio.

O Linha Verde reforça a solicitação para que a população continue denunciando crimes ambientais através dos telefones 0300 253 1177 (custo de ligação local) e (21) 2253 1177, além do APP “Disque Denúncia RJ” disponível para celulares. Por essa modalidade, o denunciante pode enviar fotos e vídeos, com a garantia do anonimato. É possível denunciar também através da página do Linha Verde no facebook, www.facebook.com/linhaverdedd ou ainda pelo site do Disque Denúncia (www.disquedenuncia.org.br). Lembrando que em todos os canais, o anonimato é garantido ao denunciante.

LINHA VERDE, o Disque Denúncia do Meio Ambiente

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *