Preso Tiktoker: detendo de presídio de Campos é transferido para sistema de segurança máxima após compartilhar vídeos de sua rotina

Utilização de aparelhos celulares por presos é proibida. Após descobrir o caso, Seap realizou uma vistoria na unidade em Campos, no norte do RJ, e aprendeu 17 celulares e 13 chips.

Um detento de um presídio em Campos, no Norte Fluminense, foi transferido nesta terça-feira (2) para uma unidade de segurança máxima no Rio de Janeiro por registrar e compartilhar, nas redes sociais, a própria rotina dentro da cadeia.

Os vídeos dentro do Presídio Dalton Crespo começaram a ser compartilhados nas redes no dia 7 de outubro deste ano, mas foram descobertos pela Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) nesta segunda-feira (1º).

De acordo com a Seap, imediatamente após tomar conhecimento do fato, uma revista geral foi realizada na unidade e o detento responsável pelas imagens foi identificado. “O mesmo sofrerá as devidas sanções disciplinares e será encaminhado, nesta terça-feira (2), para a Penitenciária de segurança máxima Laércio da Costa Pellegrino (Bangu 1), no Complexo de Gericinó”, informou a secretaria.

Durante a revista no local, também foram encontrados 17 celulares, 13 chips, além de uma pequena quantidade de drogas e outros itens não permitidos. O material apreendido foi encaminhado à delegacia local para realização de registro de ocorrência.

Ainda de acordo com a Seap, operações para impedir o ingresso de materiais ilícitos nas unidades prisionais fluminenses têm sido realizadas com frequência.

“Já iniciamos um procedimento de apuração com a Corregedoria, que irá apurar a ocorrência com o máximo rigor que a lei permitir. É intolerável que os presos continuem tendo acesso ao mundo exterior. Vamos intensificar as ações de repressão e punir quando descobrirmos os envolvidos no ingresso desses materiais não permitidos na unidade”, declarou o secretário de Administração Penitenciária, Fernando Veloso.

Preso compartilhava rotina e interagia com seguidores

Com poucos mais de 2,5 mil seguidores no TikTok, o detento compartilhava o dia a dia na prisão. Os vídeos mostram cenas do café da manhã, limpeza da cela, jantar e, até, uma partida de futebol durante o “banho de sol” dos presos.

O último vídeo foi publicado na rede social nesta segunda-feira (1º) e, até as 15h30 desta terça-feira (2), já conta com mais de 45 mil visualizações. Nele, o rapaz mostra a preparação de um misto quente em uma sanduicheira improvisada dentro da cela. “Bom dia pra todos. Que Deus proteja nosso dia de todo mal”, escreveu o detento.

Detento que compartilhava rotina em cadeia de Campos, no RJ, também interagia com seguidores — Foto: Reprodução/Redes sociais
Detento que compartilhava rotina em cadeia de Campos, no RJ, também interagia com seguidores — Foto: Reprodução/Redes sociais

O vídeo mais assistido, no entanto, tem pouco mais 137 mil visualizações e mostra roupas, lençóis pendurados e alguns detentos em uma das celas do presídio.

Além de publicar vídeos da rotina, o preso também interagia com os seguidores ao responder comentários. “Canta lili pra todos “, escreveu um seguidor fazendo referência a palavra liberdade. “Todos mesmo. Amém”, respondeu o detento.

Fonte: G1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *